Conheça a origem de dez comidas de rua adoradas pelo mundo …

Uma das coisas mais gostosas de viajar é provar sabores diferentes e, quando a viagem inclui longas caminhadas e orçamento curto, uma boa aliada é a comida de rua, rápida e barata. Mas você sabe a origem de alguns dos quitutes mais famosos vendidos pelo mundo? A gente listou aqui dez comidas muito amadas e contou um pouco da história por trás delas.

  • Wikicommons

    Arepas | Colômbia e Venezuela

    A panquequinha latinoamericana de farinha de milho tem origem indígena, pré-colonização espanhola, e era consumida no território onde hoje estão Colômbia e Venezuela, portanto não é possível precisar seu local de nascimento. O quitute é vendido nas ruas destes dois países, em versões que podem levar recheios como carne de porco, queijos ou apenas uma boa passada de manteiga e sal na massa ainda quente.

  • Reprodução TV UOL

    Churros | Cuba

    A mais famosa origem do doce é a espanhola, ligada ao improviso diante da dificuldade de se obter pão fresco nas montanhas (há também quem diga que a receita vem de Portugal). Muito popular em países de colonização espanhola na América Latina, ele é vendido em sua versão magrinha e comprida nas ruas de Havana, capital cubana.

  • Divulgação

    Imagem: Divulgação

    Currywurst | Alemanha

    Um dos lanches favoritos dos alemães tem origem no fim da Segunda Guerra, juntando a salsicha ao curry trazido pelos britânicos para Berlim. Há quase sete décadas, uma comerciante da capital alemã criou o molho com ketchup e curry que é popular nos sanduíches vendidos nas ruas de todo o país. Leia mais

  • Getty Images

    Imagem: Getty Images

    Empanada | Argentina

    Este tipo de pastel popular na Argentina e com versões em outros países latinos tem origem persa, sendo adotado e aperfeiçoado quando a cultura árabe foi levada para a Espanha. Nas ruas de Buenos Aires, as empanadas são bem comuns, vendidas nas pequenas tiendas com recheios variados, sempre assadas — na Colômbia, elas são populares fritas.

  • Getty Images

    Imagem: Getty Images

    Fish and Chips | Inglaterra

    O filé de peixe empanado com batatas fritas e molho tártaro é um dos pratos britânicos mais emblemáticos. Sua origem vem de uma adaptação da culinária judaica, e remete à classe operária em tempos de desenvolvimento da indústria pesqueira. É uma comida de rua que foi ganhando os espaços fechados e versões mais elaboradas, mas ainda pode ser degustada de pé, entre um passeio e outro, comprados em lanchonetes e bares. Leia mais

  • Getty Images/iStockphoto

    Imagem: Getty Images/iStockphoto

    Hot Dog | EUA

    O sanduíche de pão com salsicha veio da Alemanha e tem esse nome por conta de um cozinheiro de Frankfurt que possuía um cão bassê — dachshund, em alemão –, cuja salsicha feita por ele ficou conhecida por esse nome, sendo simplificada na oralidade. O lanche é sucesso em várias partes do mundo, mas é nos EUA, especialmente em Nova York, que se tornou uma comida de rua icônica.

  • Getty Images

    Imagem: Getty Images

    Okonomiyaki | Japão

    Tipo de panqueca feita com farinha, ovos, repolho picado e caldo, ela leva diversas coberturas, como cebolinha, camarão e maionese finalizando. Popular nas ruas de Tóquio, o prato tem origem que remonta ao período Edo (1600-1868), e a cidade de Osaka é creditada como seu local de nascimento.

  • Divulgação

    Imagem: Divulgação

    Pastel | Brasil

    O quitute entrou no país na década de 40 por meio de imigrantes chineses e tem origem incerta: uns dizem que ele deriva do rolinho primavera chinês, outros de receitas europeias. Apesar de presente em lanchonetes e bares, é nas barracas de feira que ele mais se destaca — em São Paulo existe inclusive votação para eleger a melhor receita da cidade. Apesar de ser um ícone da gastronomia paulistana, o pastel também é popular em muitas outras cidades.

  • Getty Images

    Imagem: Getty Images

    Poutine | Canadá

    A versão mais popular das batatas fritas cobertas com coalhada de queijo e molho de carne dão conta de que o prato seja originário de Warwick, em Quebec, na década de 1950, quando um cliente de um restaurante pediu para colocar queijo em suas fritas. Hoje, o prato pode ser consumido nas ruas, em lanchonetes, bares, restaurantes caros. Em 2013, até mesmo o McDonald’s passou a oferecer as batatas neste estilo no Canadá.

  • Getty Images

    Imagem: Getty Images

    Vlaamse Frites | Holanda

    É muito popular o cone com batatas fritas cobertas de uma maionese espessa nas ruas de Amsterdã. As Vlaamse Frites têm origem no modo como os belgas comem o petisco, acompanhado de molhos. Já as próprias batatas fritas têm origem incerta — há quem diga que vieram da Bélgica, outros da França, por exemplo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s